Tom Veiga, Cristo e o Surf Art

“O meu processo criativo vem do Autor da criatividade e o meu trabalho é simplesmente buscar da Fonte da criatividade, de estar em comunhão com Ele” – à Bola TV

Tom Veiga é um artista plástico brasileiro de Surf Art reconhecido mundialmente por seus trabalhos para marcas como Billabong, Havainas, Reff, Globe, Mormaii, entre outras. Além de trabalhos para eventos como o Super Surf e o Surfing Day International, maior evento socio-ambiental do mundo. Recentemente fez as artes para o álbum Fortaleza, do cantor André Valadão e ficou exposto nos telões do Domingão do Faustão, programa dominical da Rede Globo.

Tom também faz quadros de suas artes. Na série Waves, ele interpreta as ondas de várias partes do mundo através traços minimalistas e abusando das cores, contrastes e movimentos. Sobre essa série ele diz: “Deus estava muito inspirado quando criou o mar e projetou as ondas, tudo muito perfeito, cada onda tem uma forma, uma cor, uma característica única, e tudo isso me inspirou a refletir essa beleza do mar e das ondas através do design” [tomveiga.com]. Recentemente foi inaugurada a loja virtual Tom Veiga Gallery, onde você pode comprar os quadros.

Nascido em Curitiba, estado do Paraná, Tom Veiga é formado em Design e trabalhava em agências de publicidade antes de se dedicar ao Surf Art. Quando criança, ele tentou ser jogador de futebol na categoria de base do Coritiba, mas sofreu uma contusão e teve que abandonar o sonho. Seu interesse pelas ondas veio bem mais tarde. Após passar por vários processos em sua vida e chegar à depressão, Tom conta que teve um aprendizado com Deus. Em um vídeo do Bola TV ele diz que “hoje muitos podem ver [nele] uma pessoa estruturada, uma pessoa que tem um bom casamento, uma mulher de Deus na minha vida, filhos abençoadíssimos, meu trabalho bombando, mas tudo isso é fruto da minha escolha lá de trás. Se não fosse Deus mover no meio da dificuldade, se não fosse eu buscar a Deus no pior momento da minha vida, a minha vida não tinha mudado. E hoje, o trabalho é legal, as coisas são legais, mas isso não é o que me traz felicidade, por que como Deus me falou lá atrás que a principal coisa que eu precisava ter era ele, hoje eu não dependo de nada pra ser feliz, porque o meu relacionamento com Deus me dá alegria”.

“A coisa é tão louca que um cara que não surfa, não mora na praia, queria ser jogador de futebol e hoje é um artista de ondas. Assim é Deus. Os sonhos de Deus são maiores, melhores e mais altos  do que você pode imaginar.” – Tom Veiga [em 2012, para o Bola TV]

Com sua arte exposta para mais de 35 países pelo mundo, Tom convive com outros vários artistas do ramo e diz que hoje entende onde Deus o queria colocar e a quem Ele queria alcançar através de sua arte; podendo ser testemunho para artistas que  buscavam nas drogas, a inspiração. Ainda no vídeo do Bola TV, ele fala que  “pra você ser um artista bem sucedido, pra você ter um trabalho único, pra você ter o seu trabalho vinculado a vários projetos legais, você não precisa ter uma vida louca, uma vida desregrada. Os meus princípios estão em Deus. O meu processo criativo vem do Autor da criatividade e o meu trabalho é simplesmente buscar da Fonte da criatividade, de estar em comunhão com Ele”.

Vejo o vídeo abaixo, onde Tom fala um pouco sobre seu trabalho e testemunho.

Vídeo: Manifesto Criativo

Via tomveiga.com, Bola TvManifesto Criativo